O filme “Argentina, 1985”, destaque do catálogo do Amazon Prime Video, vem fazendo muito sucesso entre a crítica e o público.

Fonte: Ana Luiza Figueiredo – Olhar Digital

No Rotten Tomatoes, o longa argentino (em parceria com os Estados Unidos), que foi selecionado para representar o país no Oscar 2023 na categoria de Melhor Filme Internacional, aparece com impressionantes 97% no Tomatometer, baseada em reviews dos críticos, e 98% de aprovação no Audience Score, nota destinada às impressões do público.

“Argentina, 1985” ganhou o prêmio da audiência no Festival Internacional de Cinema de San Sebastian, sendo exibido em outros festivais de cinema prestigiados em todo o mundo, inclusive os de Veneza, Londres e Rio de Janeiro.

O filme estreou em salas de cinemas da Argentina no final de setembro, e chegou ao Prime Video na última sexta-feira, prometendo uma campanha forte por parte da Amazon para entrar com tudo na briga pelo Oscar.

“Argentina, 1985” é inspirado na história real dos promotores Julio Strassera e Luis Moreno Ocampo, uma dupla que ousou investigar e processar a sangrenta ditadura militar argentina, em 1985. Strassera e Ocampo reuniram uma equipe jurídica jovem e cheia de heróis improváveis para enfrentar a influência dos militares na época, para uma batalha no estilo de Davi contra Golias.

O longa foi filmado nas locações históricas reais, sob a direção de Santiago Mitre, que também assinou o roteiro ao lado de Mariano Llinás.

Ricardo Darín e Peter Lanzani protagonizam o filme, nos papéis dos promotores Julio Strassera e Luis Moreno Ocampo, respectivamente. Além da dupla, o longa tem nomes em seu elenco como os de Alejandra Flechner, Carlos Portaluppi, Norman Briski, Héctor Díaz, Alejo García Pintos, Claudio Da Passano, Gina Mastronicola, Walter Jakob e Laura Paredes.

Publicações recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6  +  2  =